Nem só de glamour é feita uma semana de moda. Afinal, tem muito trabalho envolvido e sempre um monte de perrengues do SPFW para contar no final de cada edição. Pensando nisso, nada melhor do que perguntar para celebridades, blogueiras, fotógrafos, estilistas e jornalistas famosas quais os maiores perrengues do SPFW que já passaram ao longo desses anos. Claro que todo mundo tem uma boa história para contar, vem rir junto comigo e saber como é a vida real – sem toda aquela glamourização do Instagram!

VEJA MAIS +++ Blogueiras Ensinam Como Ter o Feed do Instagram Perfeito!

+++ Confira o 2º Dia do SPFW em Vídeo!

+++ Os Melhores Looks do SPFW!

os-maiores-perrengues-de-spfw-2

Camila Coutinho (blogueira)

O maior mico foi ter caído no Petit Palais durante a semana de moda de Paris, o mais engraçado é que ela estava de tênis, então nem foi por conta de salto alto, tropeçou mesmo!

Mariah Bernardes (blogueira)

A blogger Mariah contou que entre os piores perrengues de SPFW é o fato de usar muito salto e sapatos que machucam os pés, ela fica sempre cheia de bolhas, com os pés em carne viva!

os-maiores-perrengues-de-spfw-3

Bruna Tenório (modelo)

Vocês acreditam que Bruna contou que a pior coisa foi nascer o dente do ciso no meio do SPFW?! Ela teve dores horríveis e até infeccionou, mas ficou firme e forte nas passarelas!

Lilian Pacce (jornalista de moda)

Lilian Pacce foi sintética: entre os piores perrengues de SPFW o pior são os atrasos! Principalmente quando duram muito mais de 1 hora!

os-maiores-perrengues-de-spfw-4

Arlindo Grund (jornalista de moda)

SEmpre bem humorado, Arlindo Grund acha que todas as situações tensas como a correria do dia-a-dia fazem parte da semana de moda e adora! Na verdade, completa ele com uma alfinetada: perrengue passam as marcas quando não me convidam para os desfiles!

Camila Coelho (blogueira)

A top blogger conta que uma das piores coisas é ter que trocar de look em qualquer lugar: banheiro de lanchonete e até no carro! Assim como o fato dela e dos desfiles estarem sempre atrasados, correria total!

os-maiores-perrengues-de-spfw-5

Walério Araújo (estilista)

O estilista super engraçado comenta que quando fazia os desfiles era um perrengue atrás do outro: que nem no Carnaval, você fica 6 meses desenvolvendo uma coleção e na última semana acontecem todos os imprevistos possíveis e imagináveis. E logo depois que acaba o desfile já tem que começar a pensar no próximo. Ele também contou um caso de uma que teve um “piriri” na Bienal e teve que usar o banheiro lotado – o truque para não demorar no banheiro é ir só quando está realmente “para sair” que aí vai mais rápido e não percebem que você estava apertado! Hahahahahaha!

Maria Prata (jornalista de moda)

A jornalista não lembrou de um caso seu, mas do estilista Ronaldo Fraga. Em um desfile, encrencou a máquina que andava com as modelos de madeira, Maria Prata trabalhava na produção do SPFW na época e disse que foi desesperador. Quando o desfile terminou ela foi correndo ao backstage e foi a primeira pessoa que o estilista viu: ele a abraçou aos prantos, chorando muito! Para ela foi emocionante, mas para ele foi um dos maiores perrengues de SPFW, né?!

os-maiores-perrengues-de-spfw-7

Marcio Madeira (fotógrafo de moda)

O maior fotógrafo de moda brasileiro, Marcio Madeira, contou que já enfrentou todo tipo de problema nos seus 40 anos de profissão: desde tempestades de neve até calor de 45º! Mas o pior momento foi no fatídico 11 de setembro! Ele estava dentro do desfile em NY e foi interrompido quando as torres caíram – imagina só o desespero! O pior é que ele tinha que ir cobrir a semana de moda de Londres que estava para começar e não podia sair dos EUA por 10 dias!

Daiane Conterato (modelo)

Já Daiane Conterato conta que o que pesa mesmo na vida de modelo são os fittings (provas de roupas) durante madrugada ou muito tarde da noite e ter que acordar cedo no dia seguinte!

os-maiores-perrengues-de-spfw-1

Costanza Pascolato

“É horrível” – com essa frase Costanza começa a contar seu maior perrengue em semana de moda! Foi na penúltima temporada de verão de Paris, no desfile da Louis Vuitton que aconteceu na Fundação LV, um lugar bem afastado da cidade. Ela tem o costume de tomar 1,5L de água pela manhã e quando chegou no desfile já estava apertada e não podia ir ao toalete, resultado: saiu antes do final do desfile pela passarela mesmo com todo mundo olhando, para não pegar mal, fingiu que estava desmaiando e correu para o banheiro!

Curtiu saber dos perrengues do SPFW?

Fotos: Fashion Frisson/Reprodução

A hospedagem do Fashion Frisson em São Paulo, durante a semana do SPFW N42, foi um convite da gerência do hotel Ibis Bugdet São João. Endereço: Av. São João, 1140 – República – São Paulo.

Gostou do post? Compartilhe:
Facebook