gucci-weird                                         IMAGE SOURCE: https://fashionweekdaily.com

Por mais que grande parte das pessoas acreditem que o mundo da moda está alheio ao que se passa na sociedade, o que acontece é justamente o contrário. A moda anda de mãos dadas com as mudanças sociais e é um reflexo dos pensamentos culturais do momento. Nas últimas semanas de moda internacionais, a marca intaliana Gucci chocou com um desfile que foi considerado um “show de horrores”. Alguns modelos entraram carregando réplicas de suas cabeças, outros dragões e alguns com três olhos.

O estilista Alessando Michele quis mostrar que todos nós trazemos elementos grotescos dentro de nós e que somos reflexos da genética do passado, mas também das transformações tecnológicas do futuro. Para ele, hoje todo mundo pode ser quem quer ser, e liberar o seu lado mais animal. Ele não é o primeiro e nem será o último a mostrar o lado mais carnal da humanidade que remete aos tempos medievais, visto que várias roupas trazem elementos desta época. Assista parte do desfile abaixo:

De onde surgem as ideias de elementos góticos serem cools na sociedade?

twilight_main

IMAGE SOURCE: http://denofgeek.com

Como tido acima, a moda é parte da sociedade, dessa maneira ela é uma das suas formas de expressão. Para criar uma coleção muitos estilistas se inspiram em literatura, filmes e até mesmo jogos. O mundo gótico começou com o clássico do terror Drácula, onde o lado escuro da humanidade ganhou uma representação, de livro virou filme. Já mais para os anos 2000, o sucesso do Twilight uniu uma geração que não mais via os vampiros com estranhamento, mas sim com encantamento. Todo mundo queria ser vampiro e ter poderes sobrenaturais, usar roupas com tons aveludados e remetentes da época medieval. O que antes era assombroso, agora era sedutor.

Outra vez livros ganharam filmes e daí foi a vez das séries de televisão sendo destaque para True Blood e Vampire Diaries, as quais fizeram tanto sucesso que tiveram diversas temporadas renovadas. A primeira começou em 2008 e terminou em 2014 e a segunda começou em 2009 e terminou em 2017. As séries tiveram vários produtos originados deles, entre eles jogos, tais como True Blood Eternal Night Card Game e Vampire Diaries Card Game. Os dois são jogos de cartas baseados nos personagens da série. Há diversos desafios e cada carta é capaz de superá-lo, ganha quem tiver o maior número de cartas de maior poder de superação. As duas séries foram a base para criar também a história do jogo Immortal Romance disponível na Betway. Todos os elementos de vida imortal, romance entre mocinha e vampiro, descoberta da fonte da juventude, elementos de conquistas e de sedução e o poder entre possuir o outro e se possuir estão presentes no jogo, além de ter personagens complexos e inspirados nos elementos contemporâneos de histórias de vampiros. Outro jogo bastante famoso, mas no estilo RPG é o Vampire: The Masquerade Bloodlines, o qual já tem quase 15 anos de existência e traz elementos góticos. O jogo conta a história de 7 clãs de vampiros com diferentes habilidades, o jogador deve escolher um desses clãs para fazer parte e também desenvolver os seus poderes. O jogo vem sendo sempre atualizado pelos fãs do mundo inteiro que implementam novos conceitos sobre vampirismo a cada ano.

Alexander McQueen: O máximo da expressão gótica na moda

150312164546-alexander-mcqueen-savage-beauty-2-super-169                                         IMAGE SOURCE: CNN.com

Alexander foi um dos grandes nomes da expressão gótica na moda. Ele afirmou que as pessoas acham suas roupas agressivas, mas para ele, elas eram românticas e uma forma de lidar com o lado negro da personalidade humana. Sua maior fonte de inspiração também foi a história. Sua época medieval favorita era a gótica, a qual reflete conceitos de vida e morte, luz e escuridão e melancolia com beleza. Para ele, a sensualidade também deveria estar presente, pois era uma forma sinistra de expressão humana. Mesmo depois de sua morte, a marca de seu nome seguiu a sua essência e sempre traz coleções com um toque de horror. A última coleção durante a semana de moda trouxe modelos no melhor estilo punk romântico, mostrando uma mulher que sabe equilibrar bem os seus dois lados, o delicado e o agressivo.

Outros desfiles góticos recentes e mais obras sobre vampiros com lançamentos em breve

Em outros desfiles nas semanas de modas internacionais, marcas renomados trouxeram para as passarelas mais elementos góticos, entre elas: Yohji Yamamoto, Junya Watanabe e Ashish. Vou falar um pouco de cada um deles: a primeira trouxe uma coleção praticamente inteira em preto e apenas poucos looks brancos e vermelhos, os elementos lembravam peças desconstruídas, como destruídas pelo tempo, a segunda trouxe vários elementos do mundo gótico, com frases de bruxas, RIPs, e imagens do universo Halloween. Além de uma beleza com bastante maquiagem preta e olhos marcados. Por fim a terceira trouxe modelos andrógenos com peles bem opacas, mostrando uma certa rebeldia e dificuldade de se integrar na sociedade. Há também elementos do movimento punk. Sobre as obras, fique de olho no filme Family Blood o que parece ser bem legal e um terror vampiresco familiar, seu lançamento já foi dia 16 de março de 2018 nos Estados Unidos. Outro que está bem cotado é Wilding, no qual uma menina é a última vampira de uma linhagem viva, seu lançamento é dia 20 de abril de 2018 nos Estados Unidos.

 

Gostou do post? Compartilhe:
Facebook